Manouchehr Mottaki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Manouchehr Mottaki
Nascimento 12 de maio de 1953 (66 anos)
Cidadania Irã
Alma mater Universidade de Teerã
Ocupação político, diplomata
Religião Islã

Manouchehr Mottaki (12 de maio de 1953) é um político iraniano, Ministro dos Negócios Estrangeiros de seu país. Embora tecnicamente designado por Mahmoud Ahmadinejad, ele é considerado mais próximo a facções conservadoras e durante a eleição presidencial de 2005, foi o gerente da campanha de Ali Larijani, candidato conservador de direita.

Foi membro do parlamento no primeiro Majlis, liderou o 7.º gabinete de Negócios Estrangeiros (1984), foi embaixador na Turquia (1985),[1] secretário-geral do ministério para os assuntos da Europa Ocidental (1989), vice-ministro dos negócios estrangeiros (1989) e vice-ministro para os assuntos legais, consulares e parlamentares (1992). Foi depois embaixador no Japão (1994),[1] conselhheiro do ministro dos Negócios Estrangeiros (1999), vice-líder da cultura e assunstos islâmicos (2001) e liderou o comité de relações exteriores da comissão de política externa do 7.º Majlis.[2]

Referências

  1. a b «Iran's new president presents an "undiscovered island"». Iran Press Service. Paris/Tahran. 15 de agosto de 2005. Consultado em 1 de julho de 2013 
  2. Biography of Mottaki, nominee for post of foreign minister
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.