Marambaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Se procura praia gaúcha do município brasileiro de Arroio do Sal, veja Praia Marambaia.

Marambaia é um bairro de classe baixa pertencente ao município de São Gonçalo, na região metropolitana do Rio de Janeiro.[1] É muito conhecido por ser um dos primeiros locais do Rio de Janeiro a ter um cemitério específico para cães.

Apesar de ser um dos principais acessos para quem vai à região dos Lagos, o bairro sofre com sérios problemas de infra-estrutura: ruas esburacadas e sem pavimentação, falta d'água, gravíssima deficiência de transportes e outros serviços. A maioria de seus habitantes trabalha em Niterói e Rio de Janeiro. Possui grande número de igrejas, sobretudo as pentecostais. Também é possível encontrar muitos motéis às margens da Rodovia Amaral Peixoto (RJ-104). Outrora um bairro com características rurais, atualmente tem sofrido um rápido processo de urbanização e favelização, ocasionado pelo despreparo das prefeituras em lidar com as modificações causadas pela instalação do Pólo Petroquímico de Itaboraí.

Algumas empresas estão instaladas na região, como a fábrica da famosa bala fluminense de tamarindo, Fábrica de batata palha CRAC, CIPA produtos de limpeza, Argamassa VETEX, Café Serra Nova entre outras menores.

Principais regiões conhecidas de Marambaia[editar | editar código-fonte]

  • Planalto da Marambaia;
  • Jardim Bom Retiro;
  • Vila Etelma (vulgo 04)(apenas parte);
  • Morada das Galáxias;
  • Pantanal (apenas parte);
  • Conjunto BNH;
  • Condomínio Residencial Marambaia;
  • Condomínio Victoria;
  • Condomínio Enzo Guimarãens
  • Jardim Fluminense;
  • Jardim Idália;
  • Vila Juliana;
  • Vale do Luar;
  • Conjunto da PM;
  • Condomínio Village;
  • Condomínio Marambaia Ville;


Limites Municipais[editar | editar código-fonte]

Em 2010, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro definiu o rio Guaianã como divisa dos municípios de Itaboraí e São Gonçalo. Fato que causa polêmica devido o investimento da prefeitura itaboraiense na região. Em 2014, a prefeitura de São Gonçalo fez um recadastramento nos moradores tanto de Marambaia, Apollo III e Gebara, pertencendo oficialmente ao municipio de São Gonçalo


Referências

  1. «Mapas e Bairros - São Gonçalo». Prefeitura Municipal de São Gonçalo. Consultado em 24/08/2009. 


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Rio de Janeiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.