Marcelo Paganini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Marcelo Paganini
Informação geral
Nome completo Marcelo de Miranda Brandão
Nascimento 11 de dezembro de 1964 (56 anos)
Origem Belo Horizonte, MG
Nacionalidade brasileira
Ocupação(ões) músico
Instrumento(s) violão
guitarra
cavaquinho
baixo
teclados
bateria
gaita de boca
Gravadora(s) Independente

Marcelo Paganini, nome artístico de Marcelo de Miranda Brandão (Belo Horizonte, 11 de dezembro de 1964) é um compositor, letrista, multi-instrumentista (violão, guitarra elétrica, guitarra MIDI, cavaquinho, baixo, teclados, bateria acústica, bateria MIDI, gaita de boca) programador MIDI, designer de som e arranjador brasileiro.

É letrista, tanto em português como em inglês e francês.[1]

Já escreveu letras para Guy Michelmore, além das músicas de sua autoria gravadas pela banda de rock Kamikaze. Em 1990 mudou-se para Nova Iorque, onde tocou com o violonista Tibério Nascimento e com vários músicos de jazz estadunidenses.

Além de músico, já dirigiu e produziu filmes de curta metragem desde 2003. Dirigiu o curta experimental Interativa. Teve vários participações em festivais de cinema no Brasil, Holanda, Inglaterra e Islândia.[2]

Referências

  1. «Marcelo Paganini». Numericable.com. Consultado em 31 de março de 2014 
  2. «Biografia no Cravo Albin». dicionariompb.com.br. Consultado em 31 de março de 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre um músico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.