Marco Lólio (cônsul sufecto)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o pai dele de mesmo nome, veja Marco Lólio.

Marco Lólio (fl. século I a.C.), cujo cognome era provavelmente Paulino[1], dito o Jovem para diferenciá-lo do pai, foi um senador romano que serviu também como cônsul sufecto[2].

Família[editar | editar código-fonte]

Lólio era membro da família plebeia dos Lollia[1][3], filho do político e oficial romano Marco Lólio[4] com sua esposa Valéria[5]. Esta, por sua vez, era uma das filhas do grande patrono da literatura, o cônsul Marco Valério Messala Corvino e irmã dos senadores Marco Valério Messala Messalino e Marco Aurélio Cota Máximo Messalino[5]. Lólio tinha o mesmo nome do pai e do avô paterno e é possível que ele tenha sido irmão de Públio Lólio Máximo ou, ao menos, parente próximo do pai dele[6]. Públio era um soldado que servira sob o primeiro imperador romano Augusto[6] que posteriormente se tornou um amigo do poeta Horácio[7] que também se tornou poeta, além de historiador e provável recipiente de um cargo junto ao imperador Tibério por volta de 20 a.C.[8].

Carreira[editar | editar código-fonte]

Pouco se sabe da vida de Lólio, exceto pelo fato de ele ter servido como cônsul[2], talvez sufecto em 13[9].

Lólio se casou com uma nobre chamada Volúsia Saturnina, irmã do cônsul Lúcio Volúsio Saturnino[2] e filha de Quinto Volúsio com sua esposa Cláudia, esta uma irmã do pretor Tibério Cláudio Nero[10]. Assim, ela era também prima dos irmãos Tibério e Nero Cláudio Druso[11].

Com Volúsia, Lólio teve duas filhas: Lólia Saturnina e Lólia Paulina[4][5].

Referências

  1. a b Marcus Lollius no. 5 article at ancient library
  2. a b c Rickman, Roman Granaries and Store Buildings, p.169
  3. Lollia Gens article at ancient library
  4. a b Marcus Lollius’ article at Livius.org
  5. a b c Genealogy of M. Lollius by D.C. O’Driscoll
  6. a b Harrison, Homage to Horace: A Bimillenary Celebration, p.290
  7. Highet, The Classical Tradition: Greek and Roman Influences on Western Literature, p.96
  8. Horace, Horace: Epistles Book I, p.136
  9. Barrett, Agrippina: Sex, Power and Politics in the Early Empire, p.276
  10. Romeins Imperium – Lucius Quintus Volusius Saturninus translated from Dutch to English
  11. After Actium: Two Caesars Are Not Enough: Chapter LXXXVII: The Trials of Livia Valeria

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Horace - Edited by O.A.W Dilke, Horace: Epistles Book I, Taylor & Francis
  • G. Highet, The Classical Tradition: Greek and Roman Influences on Western Literature, Oxford University Press, 1949
  • G. Rickman, Roman Granaries and Store Buildings, CUP Archive, 1971
  • S.J. Harrison, Homage to Horace: A Bimillenary Celebration, Oxford University Press, 1995
  • A.A. Barrett, Agrippina: Sex, Power and Politics in the Early Empire (Google eBook), Routledge, 2002