Massacra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Massacra
Informação geral
Origem Franconville, Val-d'Oise, França
Gênero(s) Death metal, thrash metal, metal alternativo
Período em atividade 1986–1997
Gravadora(s) Shark, Phonogram, Vertigo, Rough Trade
Afiliação(ões) Zero Tolerance
Integrantes Pascal Jürgensen
Jean-Marc Trisani
Frederick Duval
Björn Crugger
Ex-integrantes Chris Palengat
Matthias Limmer

Massacra foi uma banda francesa formada em janeiro de 1986 no subúrbio parisiense de Franconville como um quinteto.[1][2] A banda passou por algumas mudanças de formação até se solidificar com Jean-Marc Trisani (guitarra), Pascal Jürgensen (baixo e vocal) e Frederick Duval (bateria). Em março de 1987 Massacra gravou a demo Legion of Torture. Logo depois Duval deixa a banda para ir morar nos Estados Unidos e é substituído por Chris Palengat. Com essa nova formação Massacra gravou em fevereiro de 1988 a demo Final Holocaust. Duval então retorna a banda, porém agora como guitarrista. Em janeiro de 1989 Massacra grava a demo Nearer From Death, cuja teve melhor repercussão com cerca de mil cópias vendidas mundialmente.[3] Nessa demo a banda incorporou a emergente musicalidade intrincada do death metal, destoando de suas raízes até então calçadas somente na sonoridade tradicional do thrash metal.[4]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Demos
  • Legion of Torture (1987)
  • Final Holocaust (1988)
  • Nearer From Death (1989)
Álbuns de estúdio
  • Final Holocaust (1990)
  • Enjoy the Violence (1991)
  • Signs of the Decline (1992)
  • Sick (1994)
  • Humanize Human (1995)

Referências

  1. McClelland, Jeff (1990). «Massacra interview». Deathvomit (em inglês) (2): pp. 53–55 
  2. Rivadavia, Eduardo. «Massacra biography». Allmusic (em inglês). Consultado em 26 de abril de 2012. 
  3. Durren, Bryan; Bush, Rich (1990). «Massacra interview». Rot (em inglês) (2): pp. 10–12 
  4. Rivadavia, Eduardo. «Final Holocaust review». Allmusic (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2012.