Membrana interdigital

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Os três dedos anteriores deste pato (Anser fabalis) são unidos por uma membrana interdigital

Designa-se de membrana interdigital ou membrana natatória[1] ao tecido que une os dedos de alguns animais, em especial aves aquáticas e anfíbios e que desempenha uma função análoga à das barbatanas, permitindo a sua locomoção na água. Em termos latos, esta estrutura pode referir-se mesmo à geralmente pequena ligação que os seres humanos têm entre os dedos, pelo que Brown, entre outros autores, em 1992, propôs uma terminologia mais precisa para identificar pegadas com membrana interdigital em espécies actuais, dividindo-a em membrana proximal, mesial e distal[2] .

Referências bibliográficas

  1. Locomoção das aves in O Mundo das Aves - acesso a 25 de Agosto de 2007
  2. Membrana Interdigital em Dinossários não Avianos? in Ciência Viva - acesso a 25 de Agosto de 2007
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.