Moço de câmara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Moço de câmara, também camareiro, camarista, ou camareiro-mor (em inglês: chamberlain, em francês: chambellan, em alemão: Kammerherr), era um funcionário da corte que serve um rei, rainha ou pessoa nobre, em seus aposentos, e cuida da manutenção destes.

Originalmente, na Idade Média, o moço de câmara era o encarregado de zelar pela câmara, ou seja, pelo quarto do seu senhor. Mais tarde passou a ser um título nobiliárquico concedido pelo rei a alguém que queria distinguir. Este foro da Casa Real portuguesa estava abaixo, quer da nobreza titular, quer da nobreza principal e distinta. [carece de fontes?]

Nos tempos atuais, camareiro é o trabalhador que, em hotéis, hospedarias, navios, trens etc., arruma os aposentos (quartos, apartamentos, camarotes, cabines) dos hóspedes.[1]

Referências

  1. Dicionário Houaiss: camareiro.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma profissão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.