Moncho Monsalve

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Juan Manuel Monsalve Fernández, mais conhecido como Moncho Monsalve (San Sebastián, 1 de janeiro de 1945) é um treinador espanhol de basquetebol.

O basco Moncho Monsalve assumiu a Seleção Brasileira de Basquete masculina em janeiro de 2008, em substituição a Lula Ferreira.

Como jogador, foi campeão europeu quatro vezes pelo Real Madrid Baloncesto, tricampeão da Liga Espanhola e bicampeão da Copa do Rei. Na seleção espanhola, jogou 82 partidas, encerrando a carreira aos 26 anos, devido a uma lesão grave no joelho.

Em 1972 iniciou a carreira de técnico, dirigindo equipes na Espanha, Suíça, França, Itália, além das seleções nacionais de Marrocos, Suíça e República Dominicana.

Também é professor do Curso Superior de Técnicos da Federação Espanhola e do Comitê Olímpico Internacional.

Comandou a seleção no Torneio Pré-olímpíco de Atenas 2008, em que se disputava três vagas para aos Jogos Olímpicos de Pequim. O Brasil foi derrotado nas quartas-de-final pela Alemanha, liderada por Dirk Nowitzki, e fica de fora da terceira Olimpíada seguida.

Em 2009, levou a Seleção Brasileira ao título da Copa América de Basquetebol Masculino de 2009, classificando a equipe para o Campeonato Mundial de Basquetebol de 2010.

Permaneceu à frente da Seleção Brasileira até 15 de janeiro de 2010, sendo substituído pelo argentino Rubén Magnano.[1]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre basquetebol é um esboço relacionado ao Projeto Basquetebol. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.