Myrtle Corbin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Josephene Myrtle Corbin
Nome completo Josephene Myrtle Corbin
Conhecido(a) por Dípigo
Nascimento 12 de maio de 1868
Condado de Lincoln, Tennessee
Morte 6 de maio de 1928 (59 anos)
Cleburne, Texas
Nacionalidade Povo dos Estados Unidos norte-americana
Cônjuge Dr. Bicknell
Filho(s) 5 filhos.
Ocupação feiras, shows e mostrada ao público como uma aberração da natureza
Salário 250 dólares semanais

Josephene Myrtle Corbin (Condado de Lincoln, 12 de maio de 1868  — Cleburne, 6 de maio de 1928[1] ) foi uma mulher americana célebre por ter sido uma atração de circos do tipo show de aberrações, uma vez que ela contava com quatro pernas e duas vaginas. De suas quatro pernas, apenas uma era completamente funcional.

Josephine nasceu em 1868 no condado de Lincoln no Tennessee, EUA, e da cintura para baixo contava com tudo em dobro, como duas pélvis, dois aparelhos reprodutores e excretores completos e independentes, além de dois pares de pernas, compostos por duas de tamanho normal e outras duas menores. Apesar de tantos membros e de todos serem móveis e ativos, apenas uma das pernas de Josephine era completamente funcional.

A pobre moça logo se transformou em celebridade, viajando por todo o país para se apresentar em feiras e espetáculos como uma aberração. No entanto, aos 14 anos de idade Josephine conseguiu um contrato para ganhar US$ 250 por semana — algo extraordinário para a época — para trabalhar em um circo.

Após alguns anos, Josephine se cansou das apresentações e acabou se aposentando, casando-se depois de algum tempo com um o médico Clinton Bicknell, com quem ela teve vários filhos. Com os filhos já crescidos, a “Mulher com Quatro Pernas” voltou a se apresentar em Nova York, recebendo um salário de US$ 450 semanais, e faleceu em 1928, aos 60 anos de idade.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.