Narziss und Goldmund

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Narziss und Goldmund (em português, Narciso e Goldmundo) é um romance escrito em 1930 por Hermann Hesse, escritor alemão ganhador do Prêmio Nobel de Literatura em 1946.

Manuela de Sousa Marques foi a primeira tradutora deste romance para português em 1956 pela editora Guimarães, de Lisboa.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Narciso, noviço culto e racional, é professor de Goldmundo, jovem belo e audacioso. Apesar de tão diferentes, demonstram curiosidade e admiração recíprocas. Suas diferenças os instigam; aproximam; separam; reaproximam; instigam novamente e perpetuam-se. Mais uma vez, o autor enfrenta dualidades: o racional e o emocional; o conhecimento e a sensorialidade; o ascetismo e a libertinagem. arquétipos como a Grande Mãe mostram a influência do inconsciente coletivo de Carl Gustav Jung neste romance, marco do apogeu literário de Hesse.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.