Negros da terra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Índios da Amazônia adorando o Deus-Sol, de François-Auguste Biard c. 1860

Negros da terra era como os portugueses apelidavam os escravos indígenas no Brasil.[1]

A palavra "preto" aparece no século X e designa uma pessoa de pele escura, mais particularmente originária da África subsariana. A palavra "negro" passa a ser adotada no século XV com a escravização de africanos pelos espanhóis (como ilustra uma cena do filme Amistad). Por isso, o principal conceito da palavra negro era, por conseguinte, "escravo".

Referências

  1. Jecupé, Kaká Werá (1998). A Terra dos Mil Povos - História Indígena do Brasil Contada por um Índio 4ª ed. Peirópolis, SP: Editora Peirópolis. p. 15. ISBN 85-85663-24-3 
Ícone de esboço Este artigo sobre história ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.