O Expresso Oriente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Stamboul Train
Oriente-Expresso (PT)
Expresso do Oriente (BR)
Autor (es) Graham Greene
Idioma inglês
País  Reino Unido
Género Thriller
Editora William Heinemann
Lançamento 1932
Páginas 307
Edição portuguesa
Tradução Jorge de Sena
Editora Estúdios Côr
Lançamento 1955
Páginas 254
Edição brasileira
Tradução Luzia Machado da Costa
Editora Record
Lançamento 1983

Stamboul Train (Expresso do Oriente (título no Brasil) ou Oriente-Expresso (título em Portugal)) é uma novela thriller do escritor inglês Henry Graham Greene, publicado originalmente em inglês, sob o título em 1932.

É o primeiro grande sucesso literário do autor, que, diferentemente de outras obras suas, mais densas, a considerava pertencente ao gênero entretenimento.

Trata-se de uma obra onde as histórias das personagens, passageiros do trem, cruzam-se, sem um foco específico. Embora possa-se dizer que a história, como um todo, gira em torno de Myatt, Coral Musker e o Dr. Czinner, na realidade a personagem central da história é o próprio trem em direção a Istambul, o elo entre as personagens de fato.

Principais personagens[editar | editar código-fonte]

  • Myatt - judeu comerciante de passas de Corinto.
  • Coral Musker - inocente corista, razoavelmente bela.
  • Dr. Richard Czinner - médico comunista, foragido de seu país, disfarçado como médico inglês.
  • Janet Pardoe - "prata polida", linda porém vazia.
  • Mr. Savory - medíocre escritor inglês.
  • Joseph Grünlich - arrombador de cofres, muito gordo, orgulha-se de nunca ter sido pego.
  • Miss Warren - jornalista lésbica, astuta, pragmática, mas amoral.
  • Coronel Hartep - chefe de polícia, é o grande rival do Dr. Czinner.

Referências