O Fazendeiro do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Página da obra, ilustrando o cultivo do índigo.

O Fazendeiro do Brasil é o título abreviado da coleção de onze volumes intitulada O Fazendeiro do Brasil melhorado na economia dos generos já cultivados e de outros... compilada pelo frei José Mariano da Conceição Veloso (1742-1811), e que retratava a agricultura no Brasil ainda Colônia.[1]

Dados da obra[editar | editar código-fonte]

Trata-se uma das obras mais raras sobre o Brasil pré-independência.[1] Foi publicada em Lisboa pela Editora Typ. Arco do Cego. Dentre as culturas abordadas encontram-se o café e cacau, além das técnicas agrícolas então usadas, a fim de promover o estímulo da produção brasileira, com base em estudos feitos em outros países.[2]

Os volumes são ilustrados, e foram publicados entre 1798 e 1806.[1]

Coleções completas e digitalização[editar | editar código-fonte]

No Brasil apenas a Biblioteca Nacional do Brasil e o acervo particular do colecionador José Mindlin possuíam a série completa com os onze volumes. No ano de 2006 o Instituto de Estudos Brasileiros - IEB - da USP concluiu, com o empréstimo de volumes deste último, o trabalho de digitalização da obra, dentro de um projeto de dotar o meio virtual de conteúdo sobre o Brasil Colônia.[1]

Referências

  1. a b c d Economia do Brasil colônia, notícia, por Thiago Romero, em 30/10/2006 (acesso em 10 de outubro de 2009).
  2. 6 d/7 Dados da obra, página de download do tomo III, USP, acessada em 10 de outubro de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]