O Lobo da Estepe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Capa da edição original do livro em alemão.

O Lobo da Estepe (no original, Der Steppenwolf) é um livro de Hermann Hesse, publicado em 1927. É considerado um dos melhores dos livros de Hesse e um dos romances mais representativos da literatura alemã.[1]

Foi o primeiro livro de Hesse a ser traduzido para português e publicado logo em 1935, em vida do Autor, em versão de Augusto de Souza para a editora Cultura Brasileira, de São Paulo (Coleção literatura moderna). Outra tradução, por Ivo Barroso, foi publicada pela editora Civilização Brasileira em 1968 e sucessivamente reeditada por outras editoras.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O livro conta a história de Harry Haller, um outsider, um misantropo de cinqüenta anos, alcoólatra e intelectualizado, angustiado e que não vê saída para sua tormentosa condição, autodenominando-se “lobo da estepe”. Mas alguns incidentes inesperados e fantásticos o conduzem lenta, porém decisivamente, ao despertar de seu longo sono: conhece Hermínia, Maria e o músico Pablo. E então a história se desenvolve de forma surpreendente.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O lobo da estepe - Der Steppenwolf (em inglês)

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. CARVALHO, Bernardo (13/05/2000). Biblioteca Folha - Só para loucos. Visitado em 10/01/2009.