Otfried Preußler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Otfried Preußler (às vezes grafado como Otfried Preussler) (Reichenberg, 20 de outubro de 1923 – Prien am Chiemsee, 18 de fevereiro de 2013)[1][2] foi um escritor alemão de literatura infantil. Mais de 50 milhões de cópias de seus livros já foram vendidos em todo o mundo e foram traduzidos em 55 idiomas.[3] Suas obras mais conhecidas são Der Rauber Hotzenplotz (O Ladrão Catrabum)[4] e Krabat.

Preussler nasceu na então Reichenberg, Boêmia (hoje Liberec, República Checa). Seus pais eram professores. Depois de concluir a escola em 1942, em meio a II Guerra Mundial, ele foi convocado para o Exército alemão. Embora tenha sobrevivido a uma ação militar na Frente Oriental, foi levado como prisioneiro, aos 21 anos, como tenente em 1944.[5] Ele passou os próximos cinco anos em vários campos de prisioneiros de guerra, na República Tártara.

Após sua libertação, em junho de 1949, ele encontrou seus parentes deslocados e sua noiva, Annelies Kind na  cidade de Rosenheim, na Baviera . Eles se casaram no mesmo ano.

Entre 1953 e 1970, ele foi, inicialmente professor de escola primária e, em seguida, diretor de escola em Rosenheim. Lá seu talento como contador de histórias e ilustrador foram usados, e, muitas vezes, as histórias que ele contava as crianças mais tarde viriam a ser escritas e publicadas.

Ele ganhou o Deutscher Jugendliteraturpreis em 1972 com Krabat.

Bibliografia parcial[editar | editar código-fonte]

1956-  Der kleine Wassermann (O menino das águas)

1957: Die kleine Hexe (A pequena bruxa ou A bruxinha sabida)

1962: Der Räuber Hotzenplotz (O ladrão Catabrum)

1966: Das kleine Gespenst (O fantasminha ou O Pequeno Fantasma)

1971: Krabat (No moinho das águas negras)


Referências[editar | editar código-fonte]