Pai de Todas as Bombas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Pai de todas as bombas)
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo ou secção, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada nos artigos correspondentes noutras línguas e também na página de discussão.
"Pai de Todas as Bombas" (FOAB)
Abvp.svg
Imagem do FOAB
Tipo Bomba termobárica
Local de origem Rússia
História operacional
Utilizadores Força Aérea Russa
Histórico de produção
Criador Exército Russo
Período de
produção
2007
Especificações
Peso 7100 kg
Poder explosivo 44 toneladas de TNT

Bomba Termobárica de Aviação de Poder Aumentado (ATBIP; em inglês) em russo: Авиационная вакуумная бомба повышенной мощности (АВБПМ), Pai de todas as bombas (em inglês; Father of All Bombs (FOAB)) em russo: "Отец всех бомб" ("Овб"), é o apelido de uma bomba termobárica russa com poder quatro vezes superior à bomba estadunidense Massive Ordnance Air Blast (MOAB - mãe de todas as bombas), fazendo dela a mais poderosa bomba não nuclear conhecida.[1] O teste foi realizado em 11 de setembro de 2007, quando foi lançada de um Tupolev Tu-160 sobre um campo de testes.[2] Ao descrever o poder destrutivo do "FOAB", o vice-chefe de Estado-Maior russo Alexander Rukshin foi citado dizendo, "tudo o que está vivo apenas evapora".[3]

A bomba produz um efeito equivalente a 44 toneladas de TNT usando 7,8 toneladas de um novo tipo de alto-explosivo, além de ser menor que o artefato estadunidense, graças à nanotecnologia,[4] e ter um raio de destruição duas vezes maior. Em comparação, a MOAB produz o equivalente a onze toneladas de TNT usando oito toneladas de alto-explosivo.

Embora o seu efeito seja comparado ao de uma bomba nuclear, ela é equivalente a apenas 0,3% do poder da bomba atômica usada contra Hiroshima.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]