Palácio Menchikov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Palácio Menchikov
Tipo palácio, atração turística, museu
Inauguração 1710 (311 anos)
Geografia
Coordenadas 59° 56' 20" N 30° 17' 45" E
Localização São Petersburgo
País Rússia

O Palácio Menchikov (em russo: Меншиковский дворец) é um edifício barroco Petrino em São Petersburgo, situado no terrapleno de Universitetskaya do Grande Neva na Ilha de Vassiliev. Foi o primeiro edifício de pedra da cidade. Desde 1981, tem servido como um museu público, um ramo do Museu Hermitage.

O palácio foi fundado em 1710 como uma residência do Governador Geral São Petersburgo Alexandre Danilovitch Menchikov e construído pelo arquiteto italiano Giovanni Maria Fontana, e, mais tarde, pelo arquiteto alemão Gottfried Johann Schädel. Foi inaugurado em 1711, mas a construção continuou até 1727 (auxiliado por Domenico Trezzini, Bartolomeo Rastrelli, Georg Johann Mattarnovy e Jean-Baptiste Le Blond), quando Menchikov e sua família foi exilada na Sibéria e sua propriedade foi confiscada.

Em 1731, os Corpos de Cadete foram estabelecidos e ocuparam o palácio e edifícios vizinhos. No final do século XIX o Palácio Menshikov foi restaurado e tornou-se o museu dos Corpos. Em 1924, suas coleções foram transferidas para o Hermitage e outros museus. De 1956-1981 o Palácio Menchikov foi restaurado novamente e finalmente aberto ao público como um ramo do Museu Hermitage com uma coleção de arte russa do final do século XVII e início do século XVIII.

Ícone de esboço Este artigo sobre um museu é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Калязина Н. В. Меншиковский дворец-музей. 2nd ed. Leningrad: Lenizdat, 1989. ISBN 5-289-00467-X.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]