Panteão dos Heróis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Panteão dos Heróis, onde jazem os corpos dos legalistas que combateram no Cerco da Lapa.
Coronel Gomes Carneiro e os heróis da Lapa.

O Panteão dos Heróis (por tradição, é mantida em sua fachada a grafia original, Panteon dos Heroes) é um monumento brasileiro erguido para guardar os corpos dos soldados das forças republicanas que pereceram durante o chamado Cerco da Lapa, batalha da Revolução Federalista de 1894.

O panteão foi inaugurado em 7 de fevereiro de 1944,[1] na cidade paranaense de Lapa, sendo guardado permanentemente por uma guarda de honra do Exército Brasileiro.

Combatentes que jazem no panteão:

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. O Paraná e a Revolução Federalista; de David Carneiro; edição da Secretaria da Cultura e do Esporte do Estado do Paraná / Fundepar; 1944.
  2. Episódios da História da PMPR; do Capitão João Alves da Rosa Filho; Edição da Associação da Vila Militar; 2000.
  3. Blog familliar.