Parkesine

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Parkesine foi o primeiro plástico feito pelo homem, inventado por Alexander Parkes[1][2], patenteado em 1855. Derivado da celulose, o material quando aquecido tinha grande maleabilidade e o formato permanecia quando esfriava.

Em 1862 o plástico foi exibido na Exposição Internacional de Londres e em 1866 ele criou a Parkesine Company, também em Londres, do ramo de plásticos.

O nome genérico de Parkesine é piroxilina ou celulóide . Parkesine é frequentemente a versão sintética do marfim.

Referências

  1. «Parkesine & Xylonite – the first plastics». Consultado em 2 de julho de 2010 
  2. «Alexander Parkes, inventor of the first synthetic plastic, c 1870-1879». Science & Society Picture Library. Consultado em 2 de julho de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.