Águia-filipina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Pithecophaga jefferyi)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaÁguia-filipina
Pithecophaga jefferyi.jpg
Estado de conservação
Espécie em perigo crítico
Em perigo crítico (IUCN 3.1) [1]
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Accipitriformes[2]

Falconiformes

Família: Accipitridae
Género: Pithecophaga
Ogilvie-Grant, 1897
Espécie: P. jefferyi
Nome binomial
Pithecophaga jefferyi
Ogilvie-Grant, 1897
Distribuição geográfica
Phileagle rangemap.png

A águia-filipina[3] (Pithecophaga jefferyi), também conhecida como águia-pega-macaco, é uma grande águia em risco de extinção que habita as florestas tropicais das Filipinas.

Sir Arny(Philippine Eagle).jpg

Distribuição geográfica[editar | editar código-fonte]

A águia está restrita às ilhas de Mindanao e Luzon, sendo que nesta está praticamente extinta, restando por volta de 500 exemplares. Originalmente a espécie habitava as florestas úmidas das quatro principais ilhas do arquipélago. Ela vive na mata fechada e não alça voos acima das copas das árvores.

A espécie não se encontra extinta na natureza, mas continua sendo ameaçada pelo desmatamento nas Filipinas, pelo que a reprodução em cativeiro - através da qual já foram conseguidos, até o final de 2006, vinte exemplares nos últimos 14 anos, num experimento realizado pela ONG Philippine Eagle Foundation - é decisiva para evitar a extinção total da espécie.

Distribuição[editar | editar código-fonte]

Esta ave já só habita um pequeno conjunto de ilhas das Filipinas. As florestas das ilhas de Leyte, Luzon, Mindanao e Samar são o seu último refúgio.

Depois da desflorestação bárbara a que o sudoeste asiático foi sujeito, deixou de haver lugar para elas noutros locais, onde há não muito tempo ainda voava em todo o seu esplendor.

Alimentação[editar | editar código-fonte]

É conhecida pelos locais por águia-pega-macaco, já que da sua alimentação fazem parte macacos e lémures, entre outros animais de grande porte.

Tamanho[editar | editar código-fonte]

Uma destas águias pode medir até cerca de 1 metro e ter uma envergadura de 2,40 metros, sendo considerada uma das maiores a nível mundial.

Reprodução[editar | editar código-fonte]

Julga-se que cada fêmea põe um ovo a cada 3 anos, num ninho que chega a ter 3 metros de diâmetro.

Estatuto de conservação[editar | editar código-fonte]

O seu estatuto de conservação é de Perigo Crítico, estima-se só existirem a viver em liberdade cerca 250 indivíduos.

Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado ao Projeto Aves, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências gerais[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Águia-filipina
  1. «IUCN red list Pithecophaga jefferyi». Lista Vermelha da IUCN. Consultado em 18 de março de 2022 
  2. «Raptors». IOC World Bird List (em inglês). Consultado em 13 de Outubro de 2010 
  3. Paixão, Paulo (Verão de 2021). «Os Nomes Portugueses das Aves de Todo o Mundo» (PDF) 2.ª ed. A Folha — Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias. p. 153. ISSN 1830-7809. Consultado em 13 de janeiro de 2022 
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Águia-filipina