Plexicushion

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Plexicushion é uma superfície de quadra de tênis baseada em acrílico e uma dos tipos de superfície usados pela Association of Tennis Professionals e Women's Tennis Association. É manufaturada e vendida pela Plexipave, uma companhia baseada em Massachusetts, Estados Unidos.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Há quatro tipos diferentes de Plexicushion.[1] Eles são Prestige, Competition, Tournament e 2000.

O sistema Plexicushion consiste de um substrato Plexicushion (o qual é uma combinação de látex, borracha e partículas plásticas) e a Superfície 100% acrílica Plexipave.

Australian Open[editar | editar código-fonte]

Em 30 de maio de 2007 o Australian Open e Tennis Australia anunciaram Plexicushion Prestige como a nova superfície do Australian Open. O piso foi instalado a tempo do 2008 Australian Open, e foi acompanhado por uma mudança nos pisos dos torneios de acesso ao Australian Open.[2][3][4]

Entre homens, Novak Djokovic é o mais bem sucedido jogador no Plexicushion, com todos os seus cinco títulos do Aberto da Austrália (2008, 2011, 2012, 2013 e 2015) ocorrendo em Plexicushion. Serena Williams (2009, 2010 e 2015) e Victoria Azarenka (2012 e 2013) são as mais bem sucedidas mulheres, vencendo três e dois títulos do Abertos da Austrália neste piso, respectivamente.

Efeito de uma partida de tênis[editar | editar código-fonte]

Plexicushion pula mais baixo e mais previsível do que pisos de quadras duras previamente usadas pelo Australian Open antes de 2008, Rebound Ace. Por isso, Plexicushion cria jogos mais seguros com menos variáveis do que Rebound Ace. [5]

Referências

  1. «Plexicushion Tennis Court Surface Products». Plexipave.com. 13 de janeiro de 2008. Consultado em 23 de abril de 2012. Arquivado do original em 7 de abril de 2011 
  2. «On-court blues for Aussie tennis?». BBC. 11 de janeiro de 2008. Consultado em 10 de setembro de 2012 
  3. «Shades of blue for summer». The Australian. 3 de outubro de 2007. Consultado em 10 de setembro de 2012 
  4. «On the surface, Australian Open gets a new bounce». The New York Times. 13 January 13, 2008. Consultado em 10 de setembro de 2012  Verifique data em: |data= (ajuda)
  5. http://www.nytimes.com/2008/01/13/sports/13iht-srtennis.5.9176593.html?pagewanted=all&_r=0

Ligações externas[editar | editar código-fonte]