Primeira Batalha de Bengasi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Primeira Batalha de Bengasi
Guerra Civil Líbia de 2011
People on a tank in Benghazi1.jpg
Civis sobre um tanque dias depois da batalha.
Data 15-20 de fevereiro de 2011
Local Bengasi, Bayda, Derna, Líbia
Desfecho Vitória decisiva dos rebeldes
  • Bengasi torna-se o centro das forças rebeldes
Beligerantes
Líbia Forças anti-Gaddafi Líbia Forças Armadas da Líbia
Comandantes
Líbia Abdul Fatah Younis (último dia) Líbia Al-Saadi Gaddafi[1]
Forças
10.000 soldados desertores e civis[2] Brigada Khamis
Brigada Fadheel
Brigada Tariq [3]
325 mercenários[4]
   

A Primeira Batalha de Bengasi ocorreu como parte da Guerra Civil Líbia de 2011 entre as unidades do exército líbio e milicianos leais ao líder Muammar Gaddafi e as forças anti-Gaddafi em fevereiro de 2011. A batalha ocorreu principalmente em Bengasi, a segunda maior cidade da Líbia, com conflitos relacionados ocorrendo nas cidades vizinhas de Bayda e Derna. Na própria Bengasi, a maior parte dos combates ocorreram durante um cerco do complexo de Katiba, controlado pelo governo. [5]


Referências

  1. «Saadi Gaddafi 'gave order to shoot' in Benghazi revolt». BBC. 21 de março de 2011 
  2. Chrisafis, Angelique (20 de fevereiro de 2011). «Libya protests: gunshots, screams and talk of revolution». The Guardian 
  3. Hill, Evan (1 de março de 2011). «The day the Katiba fell». Benghazi: Al Jazeera 
  4. Hauslohner, Abigail (23 de fevereiro de 2011). «Libya's Alleged Foreign Mercenaries: More Gaddafi Victims?». Shahhat: Time Magazine 
  5. «Battle at army base broke Gadhafi hold in Benghazi» (em inglês). Associated Press. 25 de fevereiro de 2011 
Ícone de esboço Este artigo sobre um conflito armado é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.