Quase Memória

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Quase Memória
Autor(es) Carlos Heitor Cony
Idioma português
País  Brasil
Editora Companhia das Letras
Lançamento 1995
Páginas 216
ISBN 857164487x

Quase Memória é um romance, escrito por Carlos Heitor Cony e publicado em 1995.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O livro é o décimo romance escrito por Cony. Marcou, após 22 anos, o retorno do autor aos romances (o último a ser lançado fora Pilatos, 1973).[1]

Carlos Heitor Cony narra as histórias de seu pai, Ernesto Cony Filho (também jornalista), um sonhador com, na visão de filho, magnífico perfeccionismos nos simples atos.[2][3][4]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Carlos Heitor Cony, Site Oficial. «Quase memória» 
  2. UOL. «Quase Memória» 
  3. Folha. «Quase Memória» 
  4. NetSaber. «Quase Memória, Quase Romance» 
  5. Releituras. «Carlos Heitor Cony»