Rafael Vidal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rafael Vidal
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Rafael Antonio Vidal Castro
Estilo 100 e 200m borboleta
Nascimento 6 de janeiro de 1964
Caracas, Venezuela
Nacionalidade Venezuela venezuelano
Falecimento 12 de fevereiro de 2005 (41 anos)
Caracas, Venezuela
Compleição Peso: 72 kg Altura: 1,81 m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Bronze Los Angeles 1984 200 metros borboleta
Jogos Pan-Americanos
Bronze Caracas 1983 100 metros borboleta
Bronze Caracas 1983 200 metros borboleta

Rafael Antonio Vidal Castro (Caracas, 6 de janeiro de 1964Caracas, 12 de fevereiro de 2005) foi um nadador venezuelano, medalhista olímpico dos 200 metros borboleta nos Jogos de Los Angeles 1984.[1]

Aos 19 anos de idade, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles 1984, se tornou o primeiro venezuelano a ganhar uma medalha olímpica na natação. Ele era um dos nadadores de estatura mais baixa, o que o fez perder a medalha de prata para o alemão Michael Gross na batida de mão.

Um ano depois, Vidal deixou a Venezuela para realizar uma carreira na Administração, e obteve seu bacharelado em informática e ciências da informação na Universidade da Flórida, onde nadou para o Florida Gators na NCAA, de 1981 a 1985. Posteriormente voltou à Venezuela e se tornou comentarista esportivo na televisão.

Em 12 de fevereiro de 2005, Vidal morreu num acidente de trânsito, aos 41 anos de idade.[2]

Até 2008, era o único venezuelano a ter ganho uma medalha olímpica na natação.

Referências

  1. «Dados no Sports Reference» (em inglês). Sports-reference.com 
  2. «Morte de Rafael Vidal». Eluniversal.com 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) nadador(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.