Raio iônico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O raio iônico é, como o raio atômico, a distância entre o centro do núcleo do átomo até o elétron estável mais afastado do mesmo, porém não fazendo referência a um átomo, mas ao seu íon. É medido em picómetros { 1 pm=10−12 m ou Angstrons ( 1 Å=10−10 m )}.

No caso de cátions, a ausência de um ou vários elétrons diminui a força elétrica de repulsão mutua entre os elétrons restantes, provocando a aproximação dos mesmos entre sí e ao núcleo positivo do átomo, resultando um raio iônico menor que o atômico.

No caso dos ânions, o fenômeno é o contrário, o excesso de carga elétrica negativa obriga o afastamento dos elétrons entre sí para restabelecer o equilíbrio das forças elétricas, de modo que o raio iônico é maior que o atômico.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.