Rio Real (Portugal)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rio Real
Comprimento 33 km
Nascente Moinho do Céu, freguesia do Vilar, Cadaval, na Serra de Montejunto
Altitude da nascente 600 m
Foz Rio Arnoia
Área da bacia 255 km²
Afluentes
principais
Rio Galvão, Rio Bogota
País(es) Portugal Portugal

O rio Real é um rio português, com cerca de 33 kms de extensão, que nasce no alto da Serra do Montejunto a uma altitude de 600 metros, na zona do Moinho do Céu, freguesia do Vilar no concelho do Cadaval, e o primeiro lugar que atravessa é o Carvalhal da Serra. Depois segue por Vila Nova, Ventosa e na ponte da Baleeira encontra-se com a ribeira do Vilar. Segue para a Pêro Moniz e na várzea da Adão Lobo entra no concelho do Bombarral. Passa a vila do Bombarral, onde recebe as águas do rio Bogota. Segue ao longo da linha férrea do Oeste passando por Paúl, e depois de passar o vale entre a Roliça e S. Mamede entra no concelho de Óbidos e recebe as águas do rio Galvão. Segue para o Sobral da Lagoa e no Arelho junta-se ao rio Arnóia para logo a seguir desaguarem ambos na Lagoa de Óbidos.

Na sua bacia, na ribeira de Santo António afluente do rio Bogota, foi feita uma barragem para aproveitamento agrícola: a barragem da Sobrena.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Hidrografia de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.