Roger Norrington

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Roger Norrington
Nascimento 16 de março de 1934 (84 anos)
Oxford
Cidadania Reino Unido
Alma mater Clare College, Dragon School, Westminster School, Royal College of Music
Ocupação maestro
Prêmios Comandante da Ordem do Império Britânico, Ordem do Mérito de Baden-Württemberg, Condecoração Austríaca de Ciência e Arte, Cruz de Oficial da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha

Sir Roger Arthur Carver Norrington (16 de março de 1934) é um maestro britânico. É filho do Sir Arthur Norrington e irmão de Humphrey Thomas Norrington.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Sir Roger Norrington estudou na Escola Dragon, Escola Westminster e na Faculdade Clare, em Cambridge e também na Faculdade Real de Música sob os ensinamentos de Adrian Boult, estre outros.

Norrington trabalhou como tenor na década de 1960 e em 1962 ele fundou o Coro Shütz. De 1969 até 1984 ele foi o diretor musical da Ópera Kent. Em 1978 ele fundou Músicos Clássicos de Londres (comandado pelo violinista John Holloway) e ficou associado com eles até 1997. De 1985 até 1989 ele foi o principal maestro da Sinfonietta Bournemouth. Entre 1990 e 1994 ele foi o diretor musical da Orquestra de São Lucas. Em 1998 ele tornou-se o principal maestro da Orquestra Sinfônica da Rádio de Stuttgart. Ele tornou-se conselheiro da Sociedade Handel e Haydn em 2006.

Norrington é mais conhecido pelas suas performances do período barroco, clássico e romântico, usando instrumentos e estilos da época. Famoso por reger obras de Beethoven, Mozart, Schubert, Berlioz e Brahms. Com sua mulher, a coreógrafa Kay Lawrence, ele formou, em 1984 o Projeto Ópera Nova. Em setembro de 2008 ele conduziu a Última Noite da The Proms pela primeira vez.

Referências