Romano I de Kiev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Romano I de Quieve
Grão-príncipe de Quieve
Reinado julho de 1171-1173
Antecessor(a) Glebo
Sucessor(a) Miguel I
 
Morte 1180
Dinastia ruríquida
Pai Rostislau I
Religião Ortodoxia russa

Romano I de Quieve, nascido Romano Rostislaviche (em russo: Роман Ростиславич; romaniz.: Roman Rostislavitch), foi um nobre ruríquida do século XII, filho de Rostislau I. Após o assassinato de Glebo em 20 de janeiro de 1171,[1] assumiu o trono de Quieve em julho como grão-príncipe.[2] Conseguiu reter o poder até 1173, quando a campanha conduzida pelo irmão do morto, André I, o retirou da cidade. Outro irmão deles, Miguel I, foi nomeado como grão-príncipe.[1]

Referências

  1. a b Dimnik 2003, p. xxvi.
  2. Pelenski 1989, p. 776.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Dimnik, Martin (2003). The Dynasty of Chernigov, 1146–1246. Cambrígia: Imprensa da Universidade de Cambrígia 
  • Pelenski, Jaroslaw (1989). «The Contest for the "Kievan Succession" (1155-1175): The Religious-Ecclesiastical Dimension». Harvard Ukrainian Studies. 12/13: 761-780