Romantização

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A romantização consiste em transpor uma narrativa para a forma de romance, escrever algo como quem escreve um romance.1

Transposição literária[editar | editar código-fonte]

Transposição literária para o romance ocorre quando uma história é narrada no formato do romance - ou seja, numa longa descrição de ações e sentimentos de personagens fictícios. O romance, por definição, é a transposição da realidade, da vida, para o plano artístico,2 e, quando outras narrativas assumem este formato (exemplo: um filme, peça teatral, poema, etc), tem-se a romantização.

A transposição de filmes geralmente adicionam conteúdo ao texto não encontrado na obra original para complementar a história, porque romances geralmente são mais longos do que roteiros. Igualmente, conteúdo de roteiros ou cenas filmadas que foram cortadas da produção final podem ainda fazer-se presentes num romance, normalmente porque enquanto que o romance é complementado para publicação, o filme ainda está sendo editado para o lançamento.

A prática foi particularmente popular para filmes de sucesso e séries de televisão antes do advento do videocassete, que permitiu às pessoas possuírem uma cópia da obra para visualizações repetidas.

Nota literária[editar | editar código-fonte]

  • O conceito de "novelização" não é aplicável em português, uma vez que a novela, enquanto narrativa, é bem mais curta do que o romance. Enquanto nos idiomas inglês e francês é usual o termo novelization ou novélisation, respectivamente, na língua portuguesa sequer há o verbo "novelizar".3

Referências

  1. Conceito derivado do vocábulo romantizar, Dicionário Aurélio
  2. Dicionário Aurélio, verbete romance, acepção 4 - na literatura.
  3. Dicionário Aurélio

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.