Rosil de Costa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Rosil de Costa (Malaca,? -? — Malaca,? 1986) foi a última grande cantora, poetisa e improvisadora do gênero de música malaia denominado Mata-kantiga (literalmente, "matar a canção"), de origem portuguesa, onde um homem e uma mulher improvisam versos, similar a gêneros encontrados no Brasil e em Portugal.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Sarkissian, Margaret. Kantiga di Padri sa chang. Volume pertencente à coleção "Viagem dos Sons", Tradisom, Vila Verde, Portugal, 1998

Silva Rego, Padre António da. "Apontamentos para o estudo do dialecto português de Malaca. Boletim Geral das Colônias, Lisboa, Portugal, 1941.


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.