São Jerônimo dos Croatas (título cardinalício)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
São Jerônimo dos Croatas
Coat of arms of Franciscus.svg        Brasão de Josip Bozanić
Título presbiterial
São Jerônimo dos Croatas
San Girolamo dei Croati
Titular: Josip Bozanić
criado: 8 de fevereiro de 1566
Criado pelo Papa Pio V
Dados do Anuário Pontifício

O título cardinalício de São Jerônimo dos Croatas, também conhecido como São Jerônimo dos Schiavones nome que foi utilizado no início até 1589, foi instituído pelo Papa Pio V, em 8 de fevereiro de 1566. Em 1570 a igreja foi confiada ao cardeal Felice Peretti Montalto, o futuro Papa Sisto V. Em 1588 a antiga igreja foi demolida por ordem do papa e no mesmo ano iniciou a construção da nova, que foi consagrada no outono de 1589. Foi a única igreja iniciada e terminada por Sisto V, por uma bula papal de agosto, entregue para os croatas. Sisto V também estabeleceu que deveria ser formado um capítulo de 11 prelados de ascendência croata e que podia falar nesse idioma. É interessante notar que o Papa Sisto V tinha antepassados croatas.

Titulares protetores[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]