Sant'Antonio da Padova all'Esquilino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para a basílica de mesmo nome em Pádua, veja Basílica de Santo Antônio de Pádua.
Basílica de Santo Antônio de Pádua no Esquilino
Sant'Antonio da Padova all'Esquilino
Fachada da basílica.
Arquiteto Luca Carimini
Início da construção 1884
Fim da construção 1888
Religião Igreja Católica
Diocese Diocese de Roma
Website Site oficial
Geografia
País Itália
Região Roma
Local Via Merulana (rione Esquilino)
Coordenadas 41° 53' 19.71" N 12° 30' 14.2" E

Sant'Antonio da Padova all'Esquilino ou Basílica de Santo Antônio de Pádua no Esquilino, chamada também de Sant'Antonio da Padova in Via Merulana, é uma igreja titular e basílica menor no rione Esquilino em Roma, Itália, construída para para a Ordem dos Frades Menores, que precisavam de uma nova casa depois de serem obrigados a se mudarem do convento de Santa Maria in Aracoeli, demolido para permitir a construção do Monumento a Vittorio Emanuele II.

A igreja foi elevada a basílica menor em 1931.[1]

Em 12 de março de 1960, o Papa João XXIII transformou-a em uma igreja titular, sede do título de Santo Antônio de Pádua na Via Merulana, cujo cardeal-presbítero é Cláudio Hummes, O.F.M., arcebispo de São Paulo.[2]

Arquitetura[editar | editar código-fonte]

Duas escadarias dão acesso ao pórtico da igreja, onde está uma estátua de Santo Antônio de Pádua segurando o Menino Jesus. O interior está dividido em três nave separadas por duas fileiras de pilares de mármore rosa.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. GCatholic.org. «Basilicas in Italy». Consultado em 31 de outubro de 2013 
  2. Cardinal Title S. Antonio da Padova in Via Merulana GCatholic

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sant'Antonio da Padova all'Esquilino

Ligações externas[editar | editar código-fonte]