Semba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Semba
Origens estilísticas Masemba, Umbigada, batucada
Contexto cultural Década de 1950
Popularidade Muito popular em Angola, desde a sua criação
Formas regionais
Angola

Semba (ou masemba no plural) é um género de música e de dança tradicional de Angola que se tornou muito popular nos anos 50. A palavra semba significa umbigada em kimbundo. Numa tradução livre, a palavra Semba representa “o corpo do homem que entra em contato com o corpo da mulher ao nível do barriga”[1].

O cantor Carlos Burity defende que a estrutura mais antiga do semba situa-se na masemba (umbigada), uma dança angolana do interior caracterizada por movimentos que implicam o encontro do corpo do homem com o da mulher: o cavalheiro segura a senhora pela cintura e puxa-a para si provocando um choque entre os dois (semba).

Como explica que o semba (género musical), actual é resultado de um processo complexo de fusão e transposição, sobretudo da guitarra, de segmentos rítmicos diversos, assentes fundamentalmente na percussão, o elemento base das culturas africanas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. «Semba | Tudo sobre dança». danca.wiki. Consultado em 28 de agosto de 2018