Sphynx

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Sphynx
Gato Sphynx
Nome original Sphynx
Outros nomes Gato pelado canadense
País de origem  Canadá
Normas da raça CFA: link
TICA:link
ACFA: link

Sphynx, ou gato pelado canadense, é uma raça de gatos originária do Canadá, e que é conhecida por não ter pelos.[1][2] Inclusivamente foi esta raça que inspirou o personagem Beerus (em português: Bills) do animangá Dragon Ball.[3]

Origem e história da raça[editar | editar código-fonte]

No ano de 1966, em Ontário no Canadá, em uma ninhada de gatos, nasceu um filhote totalmente sem pelo.[4] Na ninhada seguinte da mesma gata, o fenômeno voltou a acontecer. Gatos sem pelo foram utilizados em cruzamentos e deram origem a uma nova raça felina,[5] cujos exemplares começaram a ser chamados "Moon's Cats" (Gatos da Lua), e em seguida de "Canadian naked" (Canadense nu) e finalmente com o nome que têm atualmente, Sphynx.[6][7] Criadores em todo o mundo começam a dedicar-se à nova raça para tentar fixar as caraterísticas, incluíndo com cruzamentos sucessivos com outras raças, principalmente com Devon-Rex, Cornish-Rex e Americano de pelo curto (American Shorthair). Os cruzamentos com Devon-Rex foram entretanto abandonados devido a uma doença genética mortal chamada Síndrome Miastênica Congênita (CMS) ou "Spasticity".[8] Em 1970, a Cat Fanciers' Association (CFA) concedeu um estatuto provisório de raça ao Canadense nu mas, no ano seguinte o estatuto foi retirado devido a problemas de saúde e dificuldades na criação. Nessa altura acreditava-se que o gene associado à falta de pelo era letal, no entanto essa linha de sphynx acabou por desaparecer.[9] O Sphynx como o conhecemos hoje, nasceu em 1975, quando o casal de agricultores Milt e Ethelyn Pearson descobriram um gato sem pelo em uma ninhada de Jezabelle, a sua gata, que tinha um "casaco" normal. Este gatinho, interessantemente chamado Epidermis juntou-se a outro gato sem pelagem chamado Dermis. Os dois foram vendidos a uma criadora do Oregon, denominada Kim Mueske, que os usou para fazer nascer a nova raça Sphynx. No Minnesota, Georgina Gattenby também trabalhou a linha dos Pearson, usando gatos vermelhos para fortalecer a junção de genes. Esta linha mostrou-se ser muito salubre. O nome sphynx (esfinge) foi escolhido pela semelhança com a Grande Esfinge de Gizé, Egito. Em 1978, a criadora canadense Shirley Smith ficou com um gato sem pelagem chamado de Bambi, que neutralizou e manteve como animal de estimação. A mãe de Bambi deu à luz mais uma dupla de gatos sem pelo que foram enviados, em 1983, para um holandês. O doutor Hernandez criou um casal de gatinhos, Punkie e Paloma, e juntou-os a um Devon Rex. A sua descendência, em conjunto com os descendentes dos gatos do casal Pearson, foram a criação da raça sphynx. Os criadores todavia descobriram que, embora o gene sem pelo fosse recessivo com o gene do pelo curto, mostrava-se dominante perante o gene do pelo dos Devon Rex, o que fez aumentar o número de membros da nova raça. Em fevereiro de 1998, o registo do sphynx foi aceito pela CFA. O que abrangeu a evolução da raça felina. Em 2000, cento e vinte sphynx estavam inscritos na associação, o que lhe garantia o trigésimo terceiro lugar em 40 raças reconhecidas.[10]

Cat - Sphynx. img 013.jpg

Cat Sphynx. Kittens. img 11.jpg

Saúde[editar | editar código-fonte]

Embora à partida pareça delicado ou frágil, o gato Sphynx é um gato robusto e forte. Para que se mantenha em um estado ótimo deverá levá-lo com a regularidade adequada ao veterinário para confirmar que se encontra bem e que o desparasitem quando for necessário. As vacinas são uma parte muito importante da sua saúde, não se descuide deste aspecto.[11]

Alimentação[editar | editar código-fonte]

A falta de pelo nas raças sem pelo predispõe a maior perda de calor pela superfície corporal, o que origina maior necessidade energética na dieta para gerar calor.[12] Assim, é necessário fornecer dietas ricas em proteina e calorias que possam ser convertidas em calor, existindo formulações especiais para gatos sem pelo.[12]

Referências

  1. «Sphynx». Fofuxo.com. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  2. admin (27 de maio de 2016). «Sphynx». Portal São Francisco. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  3. «Dragon Ball: Você consegue adivinhar o que inspirou a criação de Beerus?». IGN 
  4. «Sphynx – The Cat Fanciers' Association, Inc». cfa.org. Consultado em 11 de novembro de 2020 
  5. «Gato Sphynx: Saiba Tudo Sobre a Raça». Blog AZ 
  6. «How to Take Care of Your Sphynx Cat». The Spruce Pets 
  7. «Gato Sphynx: o exótico e leal "deus egípicio"». Nuxcell 
  8. «Sphynx and Devon Rex Congenital Myasthenic Syndrome». Veterinary Genetics Laboratory 
  9. «Sphynx». Efeca de Patos 
  10. «Sphynx Principal». Gatil Cerberuss 
  11. «Sphynx: características e fotos - PeritoAnimal». peritoanimal.com.br. Consultado em 9 de janeiro de 2017 
  12. a b «Gatos sem pelo - O Meu Animal». O Meu Animal. 19 de agosto de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Sphynx
Ícone de esboço Este artigo sobre gatos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.