TMZ.com

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de TMZ)
Ir para: navegação, pesquisa
TMZ Productions, Inc
Cadastro Não é necessário
País de origem  Estados Unidos
Idioma(s) Inglês
Lançamento Dezembro de 2005
Proprietário Time Warner
Página oficial tmz.com

Thirty-mile zone (também conhecida como:Studio zone ou simplesmente TMZ) é um site americano de entretenimento que surgiu como uma parceria entre o AOL e a Telepictures, ambas pertencentes ao grupo Time Warner. O editor chefe da TMZ é Harvey Levin, um advogado dedicado ao jornalismo que atuou como perito judicial na rede KCBS-TV.[1]

Segundo Levin, o TMZ.com é caracterizado por não oferecer pagamento por notícias e entrevistas exclusivas, o site investiga e discute com precisão os fatos antes de publicá-los.[2]

Reconhecimento e credibilidade[editar | editar código-fonte]

Segundo as opiniões da crítica, o TMZ sempre foi considerado uma fonte não fiável ou com pouca credibilidade, que não passava apenas de um sítio de "fofocas" de celebridades.[3] Seu reconhecimento mundial veio quando o artista Michael Jackson faleceu. O TMZ foi a primeira mídia a divulgar sua morte superando grandes redes de notícias mundiais.[4] Horas mais tarde, a informação foi confirmada e o TMZ se tornou oficialmente uma referência de informações sobre celebridades.[5]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «The Boss List 2015 Edition». AskMen. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  2. «Handed a 'smoking gun,' TMZ's Levin ran with it - USATODAY.com». www.usatoday.com. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  3. «G1 > Música - NOTÍCIAS - Site de fofoca supera grandes redes e noticia antes morte de Michael Jackson». g1.globo.com. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  4. «Casos bizarros de Michael Jackson crescem após sua morte». O Globo. 30 de junho de 2009 
  5. «Família divulga comunicado sobre a morte de Michael Jackson». RollingStone. 28 de junho de 2009