Tapete Balúchi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Balúchi
Procedência Coração oriental e
Afeganistão ocidental
Tipo de nó Nó persa
Tipo de trabalho Tear horizontal
Veludo lã de boa qualidade,
altura média, às vezes pelo de camelo
Urdume e trama lã, algodão
para as peças mais recentes
Densidade dos nós 1.000 a 1.500 nós/dm²
Tamanhos a maioria é tapete de oração
(80-100 x 120-170 cm),
tamanhos maiores para algumas peças antigas
Tapete persa

O tapete Balúchi é um tipo de tapete persa. Ao contrário do que seu nome indica, não é fabricado no Baluchistão, mas no Coração oriental e no oeste do Afeganistão, por tribos balúchis.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O tapete Balúchi é sobretudo um tapete de oração. O aspecto geral do nicho é a única característica comum destes tapetes; as ornamentações usadas são extraordinariamente variadas. O motivo mais comum é uma cúpula de mesquita de cada lado do nicho. Algumas peças representam uma árvore da vida, e outras têm uma decoração muito esquemática, com losangos coloridos.

Os tapetes Balúchi que não são de oração apresentam também uma grande variedade de ornamentos, e de motivos emprestados de outras procedências, como o gül ou o minah-khani.

As cores mais utilizadas são: o vermelho e o azul para o campo e os motivos, assim como o bege (cor de pelo de camelo). O branco também é muito usado, até o ponto de, em alguns casos, romper a harmonia geral do tapete. Enquanto que nas bordas e nos motivos, as cores mais comuns são: o amarelo e o laranja.