Teatro de Amadores de Pernambuco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

O Teatro de Amadores de Pernambuco é a companhia teatral compor atores amadores com mais tempo de atuação ininterrupta no Brasil [carece de fontes?].

História[editar | editar código-fonte]

Fundado por Valdemar de Oliveira, nasceu a partir de um grupo de atores do Recife, o Grupo Gente Nossa, criado em 2 de agosto de 1931 por Samuel Campelo.

Em 4 de abril de 1941 o TAP encenou a primeira peça teatral, Knock ou O triunfo da medicina, de Jules Romain, interpretado por médicos e suas esposas, entre eles:

Peças encenadas[editar | editar código-fonte]

O Teatro de Amadores de Pernambuco já encenou mais de 100 peças originais.

As primeiras a serem encenadas foram:

  1. Knock ou O Triunfo da Medicina
  2. Primerose
  3. Uma mulher sem importância, de Oscar Wilde
  4. O processo de Mary Dugan, de Bayard Weller

Excursões[editar | editar código-fonte]

O elenco do TAP já fez mais de 50 excursões por cerca de 30 cidades brasileiras.

Nosso Teatro[editar | editar código-fonte]

O Teatro de Amadores de Pernambuco é proprietário do Teatro Valdemar de Oliveira, atuante teatro do Recife, que teve o nome original de Nosso Teatro.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]