Titanato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Titanato é a designação química dada aos compostos inorgânicos em cuja composição dominam os óxidos de titânio. Nalguns contextos a designação é alargada para incluir genericamente os compostos contendo o anião Tix+ (como em [TiCl6]2- e [Ti(CO)7]2-). São conhecidos numerosos titanatos, entre os quais alguns compostos com importantes usos industriais.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Os titanatos são em geral brancos, diamagnéticos, com pontos de fusão elevados e insolúveis em água. São em geral preparados a altas temperaturas usando, entre outras técnicas, fornalhas tubulares, a partir de dióxido de titânio. Em quase todos os casos, os óxidos de titânio apresentam geometria molecular octaédrica[1].

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Notas

  1. Greenwood, Norman N.; Earnshaw, A. (1984). Chemistry of the Elements. Oxford: Pergamon. pp. 1121–23 (ISBN 0-08-022057-6).