Tom Sneddon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Thomas William Sneddon Jr. (Los Angeles, 26 de maio de 1941 - Santa Bárbara, 1 de novembro de 2014) foi um promotor de justiça estadunidense[1].

Era um promotor do condado de Santa Bárbara, na Califórnia e ficou conhecido após ter mediado a acusação contra o cantor Michael Jackson em duas ocasiões: 1993 e 2003. Michael escreveu uma música onde o nome do promotor é citado inúmeras vezes, chamando-o de "frio". A música chama-se "D.S.".

Referências

  1. Tom Sneddon dies at 73; D.A. best known for prosecuting Michael Jackson Los Angeles Times- acessado em 23 de março de 2016
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.