Tornado Alley

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicionasse esta.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Coração da Tornado Alley

A Tornado Alley (em português, "Alameda dos Tornados") é um termo comum para designar a região central dos Estados Unidos cobrindo muitos estados ou parte de estados onde ocorrem frequentemente tornados. Inclui as terras baixas que circundam o rio Mississippi, o rio Ohio e os vales do rio Missouri, bem com o sudeste dos Estados Unidos. Mesmo se nenhuma região dos EUA está totalmente livre do fenómeno dos tornados, estes são bem mais frequentes na la região das grandes planícies entre as Montanhas Rochosas e os Montes Apalaches.

Os estados de Oklahoma, Kansas, Arkansas, Iowa e Missouri estão totalmente incluídos na Tornado Alley, bem como o nordeste do Texas, leste do Colorado, norte da Luisiana, centro e sul do Minnesota e Dacota do Sul, noroeste do Mississippi, centro e sul do Illinois, sudoeste do Indiana, e partes do centro, sudeste e sudoeste do Nebraska, pequenas áreas no extremo oeste do Tennessee e Kentucky e algumas zonas do Wisconsin.

Estatisticamente, a maioria dos tornados americanos produz-se no Texas [1]. Pelo critério da superfície terrestre atingida, é a Florida que tem o mais forte índice de episódios de tornados [2] mas a maior parte destes são fracos e não produzem supercélulas tempestivas. O Oklahoma tem a maior taxa de grandes tornados super destruidores.

Actividade dos tornados nos Estados Unidos. As zonas mais escuras indicam a zona conhecida como Tornado Alley.

Esta abundância de tornados é possível pelo encontro de massas de ar frio vindas do Canadá e de ar quente vindas do golfo do México. O período do ano com maior frequência de tornados varia consoante as regiões. Em geral, a tornado alley tende a se deslocar mais para norte com o aquecimento primaveril e até ao Verão, e inversamente para sul com o arrefecimento outonal. No entanto, tecnicamente, as grandes planícies centrais podem ser consideradas como estando na tornado alley praticamente todo o ano, pois é lá que os «temperature swings », variações brutais de temperatura entre ar quente e ar frio são mais comuns. Pelo contrário, o nordeste e o oeste são as regiões menos afectadas por tornados.

No coração da Tornado Alley, as normas de construção são mais exigentes que noutros locais dos EUA, exigindo tectos reforçados e ligações mais fortes entre a construção e as suas fundações. Encontram-se também medidas de prevenção como células antitempestade ou sirenes de alarme para tornados. A consciência popular conhece o risco e a cobertura meteorológica oferecida pelas mídias locais está presente quase sempre.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]