Turismo no Quebec

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Place d'Armes (Praça das Armas) na cidade velha de Montréal.
Fiorde na região do rio Saguenay.
Chalé e esqui no parque nacional do Mont-Tremblant na região de Laurentides.

O turismo no Quebec representa o quinto produto de exportação em importância na província do Quebec. Em torno de trinta mil empresas estão ligadas a esta indústria, sendo 70% situadas no exterior de Montreal e Cidade de Quebec. Esta indústria empresa mais de 400 mil pessoas, a maioria nos setores de restaurante e hotelaria. Em 2010, em torno de 27 milhões de turistas visitaram a região, sendo 3/4 vindos do próprio Québec e o outro 1/4 de fora da região, principalmente das regiões limítrofes, como o Ontário e o nordeste dos Estados Unidos. Os turistas franceses são os que permanecem mais dias na região (14,9 dias em média em 2010). Os turistas espanhóis são os que mais gastaram por noite (176 $ em média em 2010), seguidos dos americanos (153 $).

Estatísticas do turismo[editar | editar código-fonte]

Em 2008, 29.592 empresas estavam ligadas à indústria do turismo. Elas geraram 410.900 empregos diretos e 54.840 indiretos.[1]. Neste ano, a região recebeu 26.008.000 turistas, sendo 77,7% vindos do Québec (52,4% dos gastos), 10,8% de outras províncias do Canadá (14,1% dos gastos), 7% dos Estados Unidos (15,5% dos gastos) e 4,5% de outros países (16,9% dos gastos).

Geografia[editar | editar código-fonte]

O Québec é situado no nordeste do continente americano e ocupa superfície de 1.667.926 km².[2] É a maior região canadense e sua superfície é três vezes maior que a da França. Vizinha dos Estados Unidos pelo sul, de Ontario pelo oeste, mais de 90% do território está no escudo canadense. A maioria da população vive abaixo do Rio Saint-Laurent.

Regiões Turísticas[editar | editar código-fonte]

Visita na barragem Manicouagan
As duas principais cidades turísticas no Quebec são Montreal e cidade de Quebec. Mais de 50% dos gastos de turismo na região vem destas duas cidades[3]

Cultura e idioma[editar | editar código-fonte]

Mistura de origens europeias e norte-americanas, o Québec é um misto cultural. O povo quebequense é apaixonado pela culinária e adoram festejar, prova disso são os inúmeros festivais. Muitas empresas e artistas, tais como Cirque du Soleil e Céline Dion, são prova que a região é um pólo artístico no Canadá.

O Québec é uma região única na América do Norte, tendo a maior parte da população francófona. É uma região com idioma oficial o francês e 82% dos quebequenses tem o francês como língua materna. 10% da população tem o inglês como língua materna e 8% outros idiomas, como o italiano, espanhol, árabe e chinês. 40% da população é bilíngue (francês e inglês) e nas cidades grandes, como Montreal, este número chega à 64%.[4]


Descobrindo o Quebec[editar | editar código-fonte]

No Quebec, quatro principais experiências turísticas podem ser feitas.

Grandes cidades[editar | editar código-fonte]

Montreal e cidade de Quebec são as cidades mais visitadas pelos turistas.[3] Uma mistura de Europa e Estados Unidos, estas grandes cidades atraem os visitantes por sua atmosfera vibrante e sua energia. A vida cultura é bem desenvolvida, com vários festivais, museus e espetáculos. Além disso, muitas opções de gastronomia e hotelaria de qualidade.

Montreal[editar | editar código-fonte]

Montréal
Montreal é a mais importante região turística do Quebec, tendo recebido 7,5 milhões de turistas em 2006.[5]
Única metrópole francófona da América do Norte, Montreal detém também o título de segunda maior cidade francófona do mundo, atrás apenas de Paris.[6] Esta grande metrópole de 3,6 milhões de habitantes é um caldeirão cultural com pessoas do mundo todo. Há bairros de várias regiões do mundo, como chinês, italiano, latino, etc. Seu rico patrimônio arquitetônico é marcante nos prédios da cidade. Além disso, festivais e eventos esportivos acontecem ao longo de todo o ano na cidade, principalmente durante o verão.

Cidade de Quebec[editar | editar código-fonte]

A capital da província do Quebec, também conhecida como Capital Nacional, é a única cidade murada da América do Norte[7]. Ela tem características arquitetônicas típicas de uma cidade europeia e é a mais antiga cidade francófona das Américas. O centro antigo da cidade foi declarado patrimônio mundial pela UNESCO em 1985. A cidade recebe em torno de 4,5 milhões de turistas ao ano.

Rio São Lourenço[editar | editar código-fonte]

Baleia no rio Saint-Laurent
O rio São Lourenço (em francês: Saint-Laurent) é um dos maiores do mundo, constituindo também uma via de acesso histórico da América. Seus 1.800 km cobrem várias cidades americanas e canadenses e servem também de abrigo para muitas espécies aquáticas.

Esporte e lazer[editar | editar código-fonte]

A região oferece aos turistas uma grande variedade de atividades esportivas ao ar livre.

Esporte ao ar livre[editar | editar código-fonte]

Cicloturismo no Québec
Pesca no gelo sib rio Saguenay

As atividades de esporte podem ser praticadas tanto no inverno quanto no verão.

Verão

  • Canoagem e caiaque
  • Caça e pesca
  • Escalada
  • Golfe
  • Natação
  • Observação da fauna e flora
  • Parapente
  • Mergulho submarino
  • Caminhada
  • Ciclismo de montanha

Inverno

  • Patinação
  • Hóquei no gelo
  • Pesca sob o gelo
  • Rafting
  • Esqui
  • Trenó

Festivais e eventos[editar | editar código-fonte]

O povo quebequense é famoso pelo espírito esportivo e gosto por festas [8]. Mais de 400 festivais ocorrem anualmente na província [9]. Estas atraem gente do mundo todo no ano inteiro.

Eventos culturais[editar | editar código-fonte]

Gatineau[editar | editar código-fonte]
  • Festival de balonismo de Gatineau: é um dos mais populares eventos do leste canadense. Reúne caravanas de todo o país e amantes do balonismo do mundo todo. Ocorre no início de setembro.
Festival de comédia Juste pour Rire
Montreal[editar | editar código-fonte]
  • Festivas internacional de jazz de Montreal: com mais de 500 shows, sendo que grande parte gratuitos, o festival ocorre no fim de julho.
  • Festival Juste pour Rire: é um dos maiores festivais de comédia do mundo, atraindo cerca de 2 milhões de pessoas a cada ano em julho.
  • Feux Loto-Québec: festival pirotécnico de duração de 30 minutos seguidos de fogos de artifício. Ocorre entre junho e julho.
Cidade de Quebec[editar | editar código-fonte]
O carnaval de Québec
  • Carnaval de Quebec: maior carnaval de inverno du mundo, ocorre entre o fim de janeiro até o começo de fevereiro.
  • Fogos Loto-Québec: ocorre no parque Montmorency e é um festival pirotécnico que ocorre no verão.[10]

Eventos esportivos[editar | editar código-fonte]

Grand Prix do Canadá de Fórmula 1 em Montréal
Montreal[editar | editar código-fonte]
  • Copa Rogers de Montreal: para os amantes de tênis, a copa faz parte do circuito Masters 1000 da ATP e acontece no começo de agosto.
  • Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1: ocorre durante o verão no ilha de Montreal

Gastronomia[editar | editar código-fonte]

Gastronomia no Quebec
A culinária do Quebec é rica em sabor, graças a mistura e influência do mundo todo. Inúmeros produtos regionais fazem da culinária um evento turístico a parte para os viajantes.

Transporte[editar | editar código-fonte]

O Quebec é ligado por via aérea às maiores regiões do mundo [11]. Montréal se encontra a 1h10 de voo de Nova Iorque e a 7h de Londres e Paris. Também é ligado via ferroviária e terrestre ao Canadá e Estados Unidos. Outros meios é a motoneve e barco.

Hotelaria[editar | editar código-fonte]

Em 2008 [12], a região contava com 7.069 hotéis com ocupação média de 51,3%, a um preço médio que varia entre 74,90 $ a187,90 $, segundo à região [13].

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Tourisme Québec (2009). «Le tourisme en chiffres, édition 2009» (PDF). Ministère du Tourisme du Québec. Consultado em 20 de março de 2010 
  2. Institut de la statistique du Québec (2004). «Comparaison entre la superficie du Québec et celle de divers pays». Gouvernement du Québec. Consultado em 11 julho 2006. Arquivado do original em 8 de agosto de 2011 
  3. a b Le site statistique de Tourisme Québec
  4. Mouvement estrien pour le français (1996). «Les langues parlées à la maison au Québec». Consultado em 11 julho 2007 
  5. «Bilan statistique de» (PDF) [ligação inativa] Tourisme Montréal
  6. [1] Bonjour Québec: Ville de Montréal
  7. Québec - un parfum de vieille Europe, Bonjour Québec, consulté en ligne le 9 mars 2010.
  8. Bonjour Québec http://www.bonjourquebec.com/qc-fr/qcaujourdhui.html
  9. Festivals et Événements au Québec
  10. Grands feux Loto-Québec
  11. [2] Bonjour Québec: se rendre au Québec
  12. Dernière année disponible sur le site web de Tourisme Québec.
  13. Tourisme Québec (2009). «Portrait statistique du secteur de l'hébergement au Québec en 2008» (PDF). Ministère du Tourisme du Québec. Consultado em 20 de março de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]