Um Sobrevivente de Varsóvia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um Sobrevivente de Varsóvia, Op. 46 (em alemão: Ein Überlebender aus Warschau) é um oratório para voz recitante, coro masculino e orquestra escrito pelo compositor austríaco Arnold Schönberg em 1947. A obra foi composta em estilo dodecafônico. Embora seja definida como um oratório, sua duração é muito breve: entre 6 e 7 minutos. É considerada por muitos críticos uma das mais importantes obras musicais dedicadas ao holocausto.

A inspiração inicial para a peça foi uma sugestão do bailarino russo Corinne Chochem, sobre um trabalho que prestasse um tributo às vítimas judias do Terceiro Reich. Visto que as colaborações entre Chochem e Schönberg não tiveram resultados, Schönberg continuou a desenvolver a ideia para o trabalho independentemente. Recebeu então uma carta da Fundação Musical Koussevitzsky encomendando um trabalho orquestral. Por essa ocasião, Schönberg se decidiu a realizar esse tributo. O trabalho foi escrito de 11 de Agosto de 1947 a 23 de Agosto de 1947.[1]

Por causa da conexão da Fundação Koussevitzsky e do regente Serge Koussevitzsky com a Boston Symphony Orchestra, presumiu-se que a Boston Symphony e Koussevitzsky fariam a estréia. Entretanto, Kurt Frederick, regente da Albuquerque Civic Symphony Orchestra, havia ouvido sobre esse novo trabalho e escreveu a Schönberg pedindo permissão para estreá-la.

A estréia foi originalmente marcada para 7 de Setembro de 1948, mas só aconteceu em 4 de Novembro do mesmo ano, em Albuquerque, Novo México, na Universidade do Novo México.[1] Kurt Frederick regeu a Albuquerque Civic Symphony Orchestra, com Sherman Smith como narrador. Entre a data anteriormente agendada e a da estréia de fato, Koussevitzsky ouviu sobre a o pedido de Albuquerque e aprovou a situação.[1]

Richard S. Hill publicou uma análise do uso que Schoenberg faz das séries dodecafônicas nessa composição.[2] Jacques-Louis Monod fez a vesão definitiva das partituras, que foi publicada em 1979.[3] Beat A. Föllmi publicou uma análise detalhada de Um Sobrevivente de Varsóvia.[4]


Gravações[editar | editar código-fonte]

  • Columbia SBRG 72119-20: CBC Symphony Orchestra; Robert Craft, conductor[5]

Referências

  1. a b c Michael Strasser, "A Survivor from Warsaw as Personal Parable" (Fevereiro de 1995). Music & Letters, 76 (1): pp. 52-63.
  2. Richard S. Hill, "Music Reviews: A Survivor from Warsaw, for Narrator, Men's Chorus, and Orchestra by Arnold Schoenberg" (Dezembro de 1949). Notes (2nd Ser.), 7 (1): pp. 133-135.
  3. Richard G. Swift, Review of newly revised edition of Arnold Schoenberg, A Survivor from Warsaw (Setembro de 1980). MLA Notes, 37 (1): p. 154.
  4. Beat A. Föllmi, "I Cannot Remember Ev'rything". Eine narratologische Analyse von Arnold Schönbergs Kantate "A Survivor from Warsaw" op. 46" (1998). Archiv für Musikwissenschaft, Jahrgang LV (Heft 1): pp. 28-56 (article in German).
  5. Edward Greenfield, "Gramophone Records" (review of Schoenberg, Complete Works, Vol. 1) (1963). The Musical Times, 104 (1448): p. 714.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Offergeld, Robert. Beethoven - Symphony no. 9 - Schoenberg - A Survivor from Warsaw, BMG Classics 09026-63682-2, Nova York, 2000.
  • Schoenberg, Arnold. Style and Idea. University of California Press, Los Angeles, 1984. ISBN 0-520-05294-3

Ligações externas[editar | editar código-fonte]