Videolog.tv

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Videolog
Proprietário(s) Ariel Alexandre e Edson Mackeenzy
Requer pagamento? Não
Gênero Vídeos
País de origem  Brasil
Idioma(s) Português
Lançamento Maio de 2004
Desenvolvedor Videolog Inc

Videolog foi um portal de compartilhamento de vídeos do Brasil. Criado em Maio de 2004 por Ariel Alexandre e Edson Mackeenzy, se tornou um dos maiores sites do gênero no país.

Popularidade[editar | editar código-fonte]

Em 2006, o Videolog, formou uma parceria com o UOL. Nesta oportunidade, o Videolog foi então apontado como tendo 170.000 usuários registrados, 95% deles do Brasil, e mais de 190.000 vídeos, bem como 1.5 milhões de visitantes únicos por mês, 35 milhões de page views e 3.5 milhões de vídeos acessados diariamente.[1]

Em novembro de 2010, a parceria foi encerrada e o Videolog se uniu ao portal de notícias brasileiro R7, do Grupo Record.[2]

O R7 informou que, desde 2010, o Videolog recebeu 80 milhões de visitantes únicos e 250 milhões de vídeos foram acessados.[3]

Em Dezembro de 2011, o Videolog.tv foi listado na posição #300 do ranking de sites mais acessados do Brasil, e #12404 na estatística global de sites visitados, pelo Alexa.

A parceria com o R7 encerrou-se em 2014 e agora o Videolog faz parte da rede Batanga Media.

Em janeiro de 2015 o site encerrou suas atividades oficialmente no Brasil.

Recursos[editar | editar código-fonte]

O Videolog permitia ao usuário o envio de vídeos limitados a 25 minutos de duração, além de 400 MB, exceto para os Videologgers PRO que podiam enviar vídeos com duração ilimitada e tamanho máximo de 700 MB..

O tocador também suportava Alta Definição em 1280x720 (720p).

Uma das regras de uso do Videolog era o licenciamento em Creative Commons dos vídeos postados na plataforma[4][5].

Notas e referências

  1. «UOL e Videolog unem-se em uma das maiores parcerias da Internet brasileira». UOL. Universo Online. 22 de dezembro de 2006. Consultado em 7 de dezembro de 2011 
  2. «Videolog, maior comunidade de vídeos no Brasil, chega ao R7». R7. Rede Record. 2 de novembro de 2010. Consultado em 24 de novembro de 2010 
  3. «Videolog comemora 1 ano no R7 com 250 milhões de exibições de vídeos». R7. Grupo Record. 1 de novembro de 2011. Consultado em 7 de dezembro de 2011 
  4. «Videolog pode ser o YouTube brasileiro?». www.idg.com.br. Consultado em 18 de fevereiro de 2016 
  5. «Videolog se expande internacionalmente com versão em espanhol - PC WORLD». PCWorld. Consultado em 18 de fevereiro de 2016 

[editar | editar código-fonte]