Walther Wenck

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Walther WenckCombatente Militar
Nascimento 17 de setembro de 1900
Wittenberg, Alemanha
Morte 1 de maio de 1982 (81 anos)
Bad Rothenfelde, Alemanha
Ocupação Oficial
Serviço militar
Serviço Balkenkreuz.svg Heer
País Alemanha República de Weimar (até 1933)
Alemanha Nazista Alemanha Nazista (1933-1945)
Anos de serviço 1920 – 1945
Patente General der Panzertruppe
Conflitos Segunda Guerra Mundial
Condecorações Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro

Walther Wenck (Wittenberg, 18 de setembro de 1900Bad Rothenfelde, 1 de maio de 1982) foi o general mais jovem do Exército Alemão durante a Segunda Guerra Mundial. Ao fim do conflito, ele comandou o 12º Exército. Wenck ordenou que suas forças se rendessem aos Estados Unidos para evitar a captura pelas tropas soviéticas. Antes de se render, Wenck participou dos eventos que se desenrolaram durante a batalha por Berlim. Enquanto a capital da Alemanha Nazista estava cercada pelo Exército Vermelho, Hitler ordenou que Walther Wenck usasse suas forças para atacar os russos e salvar a cidade mas ele não obedeceu reconhecendo que seu exército não tinha condições de realizar um ataque e ainda assim as forças do inimigo eram muito superiores numéricamente. Berlim caiu frente aos soviéticos em 2 de maio de 1945. Wenck fugiu para o oeste e se rendeu aos americanos juntos com suas tropas.[1]

Na Alemanha, ele era conhecido como "O garoto General".[1]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Beevor, Antony (2002). Berlin, The Downfall 1945. [S.l.]: Viking 
  • Ryan, Cornelius (1966). Last Battle. New York: Simon and Schuster. p. 443 
  • Bradley, Dermot (1981). Walther Wenck, General der Panzertruppe [Walther Wenck, Tank General] (em alemão). [S.l.]: Biblio Verlag. ISBN 3-7648-1177-3 

Referências