Yde Schloenbach Blumenschein

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Yde Schloenbach Blumenschein (São Paulo, 26 de maio de 1882 - 14 de março de 1963), conhecida como Colombina, foi uma poeta parnasiana brasileira[1].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Estudou na Alemanha durante a infância. Aprendeu piano e canto.

Começou a escrever aos 13 anos. Seus primeiros poemas foram publicados no jornal santista A Tribuna, além de revistas como O Malho, Fon-Fon e Careta. Assinava com os pseudônimos de Colombina e Paula Brasil.

Casou-se com Hanery Blumenschein e com ele teve dois filhos. Separou-se do marido, o que causou escandalo na época.

Fundou em 1932 a Casa do Poeta Lampião de Gás, ponto de encontro de escritores e literatos, que inicialmente funcionava na sua própria casa. Em 1948, o grupo passou a ter sede própria.

Editou o jornal mensal O Fanal, publicação da Casa do Poeta Lampião de Gás.

Era chamada de Cigarra do Planalto e Poetisa do Amor. Em sua homenagem, uma rua no bairro do Butantã, em São Paulo, recebeu o nome de Rua Poetisa Colombina. É a patrona da cadeira número 37 da Academia Literária Feminina do Rio Grande do Sul[2].

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Vislumbres. São Paulo: [s.n.], 1908.
  • Versos em lá menor. São Paulo: São Paulo Editora Ltda, 1930.
  • Lampião de gás. São Paulo: Tip. Cupolo, 1937.
  • Sândalo. São Paulo: [s.n.], 1941.
  • Uma cigarra cantou para você. São Paulo: [s.n.], 1946.
  • Distância: poemas de amor e de renúncia. São Paulo: [s.n.], 1947.
  • Gratidão. São Paulo: Editora Cupolo Ltda, 1954.
  • Para você, meu amor. São Paulo: Editora Cupolo Ltda, 1955.
  • Cantares de bem-querer. São Paulo: Editora Cupolo Ltda, 1956.
  • Manto de arlequim. São Paulo: Editora Cupolo Ltda, 1956.
  • Inverno em flor. São Paulo: Editora Cupolo Ltda, 1959.
  • Cantigas de luar. São Paulo: Gráfica Canton Ltda, 1960.
  • Rapsódia rubra. Salvador: SENAI, 1961.[3]

Referências

  1. Colombina (1882 - 1963). Enciclopédia Itaú de Literatura Brasileira
  2. Yde Schloenbach Blumenschein Arquivado em 16 de dezembro de 2011, no Wayback Machine.. A mulher na literatura - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Letras e Lingüística
  3. Yde Schloenbach Blumenschein - Obra Arquivado em 11 de setembro de 2007, no Wayback Machine.. A mulher na literatura - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Letras e Lingüística

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.