Abadia de la Cervara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

A Abadia de la Cervara, ou abadia de São Jerônimo no Monte Portofino, é um mosteiro italiano com vista para o mar. Ela tem vista para a Costa dos Golfinhos, no Golfo de Tigullio na província de Génova. A abadia, agora propriedade privada, é acessível a partir da estrada principal que conduz a partir de Santa Margherita Ligure, na aldeia de Portofino, com um desvio que leva diretamente ao templo religioso.

Pórtico da Abadia de la Cervara

História[editar | editar código-fonte]

Origem do nome[editar | editar código-fonte]

Na Idade Média, este lugar foi chamado Silvaria (de Silvas, a palavra latina que significa "floresta"), assim como todos os trechos de costa com vista para o Golfo de Tigullio que desce para o mar de Portofino, pois estava cheio de vegetação. O termo "Silvaria" foi mais tarde italianizado para Cervara.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O edifício foi construído em 1361, idealizado por Otto Lanfranco, capelão da Abadia de Santo Estevão e monge em Génova, e após a autorização dada pelo monges colombinos, tornaram-se os proprietários da terra, em março de 1360. Em poucos anos, o mosteiro colombino foi construído, com o nome de São Jerônimo.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]