Asseidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Asseidade (do latim a se, "por si"1 ) ou aseidade (forma não-preferível2 ) é atributo divino essencial e fundamental, que consiste precisamente em derivar sua existência de si mesmo, ou, identicamente, existir por si próprio, sem qualquer nexo exigível ou necessário de causalidade e efetividade, e vem a ser, na compreensão teológica, prerrogativa exclusiva de Deus, em razão do que é um dos atributos incomunicáveis.

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Mais especificamente, do latim medieval aseitate, latim aseitas, atis < latim a se = "por si", + latim -(i)tas, atis.
  2. FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Dicionário da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro (RJ), Brasil: Nova Fronteira, 2000.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • BERKHOF, L.. Teologia Sistemática. Campinas: LPC, 1995.
  • FRAME, John. Divine Aseity and Apologetics.
  • GRUDEM, Wayne. Teologia Sistemática. São Paulo: Vida Nova, 2006.
  • HOEKSEMA, Herman. A Asseidade de Deus. Em HOEKSEMA, Herman. Reformed Dogmatics, vol. 1. Reformed Free Publish Association, p. 101.
Ícone de esboço Este artigo sobre Teologia ou sobre um teólogo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.