Classe Liberty

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SS John W. Brown navio da Classe Liberty (2000).

Classe Liberty é uma classe de navios cargueiro construídos nos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial.

Com desenho original britânico, as plantas foram adaptadas pelo engenheiro naval norte-americano William Francis Gibbs surgindo navios de baixo custo e rápidos de construir.[1] Esta classe de navios simboliza a produção industrial em massa da Segunda Guerra.

Estaleiros[editar | editar código-fonte]

17 estaleiros dos Estados Unidos construíram 2 751 navios do tipo Liberty entre os anos de 1941 e 1945. Esta é a maior classe de navios construídos em todos os tempos.[2]

  • Alabama Drydock and Shipbuilding, Mobile, Alabama
  • Bethlehem-Fairfield Shipyard, Baltimore, Maryland
  • California Shipbuilding Corp., Los Angeles, California
  • Delta Shipbuilding Corp., New Orleans, Louisiana
  • J. A. Jones, Panama City, Florida
  • J. A. Jones, Brunswick, Georgia
  • Kaiser Company, Vancouver, Washington
  • Marinship, Sausalito, California
  • New England Shipbuilding East Yard, South Portland, Maine
  • New England Shipbuilding West Yard, South Portland, Maine
  • North Carolina Shipbuilding Company, Wilmington, North Carolina
  • Oregon Shipbuilding Corporation, Portland, Oregon
  • Richmond Shipyards, Richmond, California
  • St. Johns River Shipbuilding, Jacksonville, Florida
  • Southeastern Shipbuilding, Savannah, Georgia
  • Todd Houston Shipbuilding, Houston, Texas
  • Walsh-Kaiser Co., Inc., Providence, Rhode Island

Características técnicas[editar | editar código-fonte]

  • Deslocamento: 14.245 toneladas bruta (14.474 t) [ 1 ]
  • Comprimento: 135 m (441 pés 6)
  • Boca: 17,3 m (56 ft 10,75 in)
  • Calado: 8,5 m (27 ft 9,25 in)
  • Propulsão: Duas caldeiras a óleo, expansão tripla motor a vapor, iexo único, 2.500 cavalos de potência (1.864 kW)
  • Velocidade: 11-11,5 nós (20 a 21 km / h)
  • Autinimia: 23.000 milhas (37.000 km)
  • Capacidade de carga: 10.856 toneladas de porte bruto (TPB)
  • Tripulação: 40 - 60 homens
  • Armamento: 1 canhão Stern de 102 mm montado no deck para utilização contra os submarinos. Metralhadoras anti-aérea.

Etapas de construção de um navio da classe Liberty[editar | editar código-fonte]

Construção de um navio Liberty no estaleiro Bethlehem Fairfield Inc. em Baltimore, Maryland (Março / Abril de 1943).

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Philip Kaplan, Jack Currie: Konvoi – Handels-Seeleute im Krieg 1939–1945, Verlag E.S. Mittler & Sohn, ISBN 3-81320-575-4.

Referências

  1. Enciclopaedia Britannica. William Francis Gibbs (em inglês). Página visitada em 6 de março de 2011.
  2. Kennedy Hickman, Military History. World War II: The Liberty Ship Program (em inglês). About.com. Página visitada em 6 de março de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.