Data juliana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Proposta em 1583 pelo cronologista francês Joseph Justus Scaliger (1540-1609) e assim chamado em homenagem a seu pai, Julius Caesar Scaliger, que por sua vez tinha este nome em honra do famoso imperador[1] .

Em astronomia, com aplicações na cronologia de acontecimentos históricos, a data juliana ou dia juliano é um método de contar os dias sequencialmente, começando em uma data arbitrária no passado. Ele foi proposto por Joseph Justus Scaliger no ano de 1583.

Funcionamento[editar | editar código-fonte]

Os dias são contados de forma contínua, sem a separação em semanas, meses ou anos. Cada dia se inicia ao meio-dia e vai até o meio-dia seguinte e recebe o nome de Dia Juliano (DJ), por ter sido inicialmente baseado no calendário Juliano – que era o oficial da Igreja Católica Romana até o final do século XVI – e sendo ainda, uma homenagem ao pai do idealizador deste calendário, cujo nome era justamente Júlio César. Uma vantagem óbvia é que o DJ apresenta o turno da noite, que é justamente o período de observação astronômica, em um mesmo dia do calendário, facilitando a forma de indicação do período de observação. Outro ponto positivo é a facilidade em determinar o período entre dois eventos, bastando apenas subtrair os DJ – muito útil para eventos com ocorrência rara, como a passagem de alguns cometas.

Sua origem (que corresponde a 0.0) é o meio-dia do dia 1º de janeiro de 4713 a.C., pelo calendário Juliano, ou pelo calendário Gregoriano, 24 de novembro de 4714 a.C..

Como Calcular[editar | editar código-fonte]

Para fazer a conversão de qualquer data para o dia juliano (desde o ano 4713 a.C.), devemos efetuar o seguinte cálculo:

Primeiro, pegamos os números referentes ao dia, ao mês e ao ano.

Se a data a ser calculada possui um mês anterior a março (03), devemos fazer a seguinte correção nos cálculos:

     ano = ano - 1 e mês = mês + 12

Se a data for igual ou posterior a 15/10/1582, início do Calendário Gregoriano, façamos:

     A = parte inteira de (ano ÷ 100)
     B = parte inteira de (A ÷ 4)
     C = 2 - A + B

Já se a data for igual ou anterior a 4/10/1582, fim do Calendário Juliano:

     C = 0

Com estes cálculos em mãos, façamos:

     D = parte inteira de [365,25 x (ano + 4716)]
     E = parte inteira de [30,6001 x (mês + 1)]

O DJ será então o resultado de:

     DJ = D + E + dia + C - 1524

[2]

Exemplo[editar | editar código-fonte]

Tem-se que ao meio-dia do dia 01/01/2010 se iniciou o DJ número 2.455.198, que irá terminar ao meio-dia do dia 02/01/2010, quando se inicia o DJ número 2.455.199, e assim por diante.

A hora do dia em DJ é expressa em números decimais, por exemplo, 2.455.198,5 significa que se passaram 0,5 dias desde o início do DJ indicado. Em outras palavras, justamente meia-noite do dia 1º para o dia 2 de janeiro de 2010. Pode ser mais cômodo utilizar o DJ para indicações de observações noturnas, pois o dia não se altera durante a observação.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.