Herdeiro presuntivo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Herdeiro presuntivo é a pessoa provisoriamente tida como herdeira de um trono, mas que pode perder tal posição com o nascimento de um herdeiro aparente ou de um novo herdeiro presuntivo com mais direito ao trono. Essa definição também pode ser aplicada a herdeiros provisórios de títulos, cargos ou posses, a menos que seja substituído por um herdeiro aparente ou outro herdeiro presuntivo. Em ambos os casos, no entanto, essa condição é assunto legal e/ou de convenções que possam alterar quem deve ser indicado para ser herdeiro presuntivo.

Dependendo das regras da monarquia, o herdeiro presuntivo pode ser a filha de um monarca (se homens tiverem prioridade sobre as mulheres e se o monarca não tiver filhos varões), ou o parente mais velho em linha colateral (caso o monarca não tenha filhos).

Ao nascer um herdeiro aparente, este se torna o primeiro na linha sucessória do trono, com todos os seus descendentes tomando prioridade sobre o herdeiro presuntivo. Havendo um herdeiro aparente, o parente colateral mais próximo que não seja descendente direto por linha paterna do monarca não é descrito como herdeiro aparente.

Herdeiros presuntivos atuais[editar | editar código-fonte]

Exemplos de herdeiros presuntivos que herdaram tronos[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre títulos de nobreza é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.